31.3.10

Gotta get get (ti)BBBooom!


Previsível! Mais um BBB chega ao fim, o denominado 10, mas que pra mim beirou o zero. A suma foi: ‘que é isso? Sou um alienígena?!’. Ainda com investimento em criativas edições e inovações, mesmo que digamos já ‘expert’... a cada semana via sair alguém ‘com cabeça’, que tentava ser acima do ter. E foi acumulando ‘jogadores’, “boas” influências, muita cultura! Claro, com poucas exceções que pareciam ter ‘bom coração’ embora a escolha dos seus amigos não tenham favorecido de forma que não conseguiram a vitória... 
Dentre todas as edições essa foi a mais surpreendente. Por vezes cheguei a acreditar que o que realmente estava sendo editada era a votação, não o script dos integrantes. (hihi) E compartilhando do pensamento de ‘Eli’ na entrevista do Faustão após sua eliminação... “as pessoas que estavam ali com o coração saíram todas!”. Mas só eu e porcentagem mínima do Brasil via isso? O que estavam utilizando com parâmetro pra votar? Aliado ao invés de amigo? “Falar na cara” a falsidade estampada? Falta de sanidade? Ou a crença de que nas “brincadeiras” não se tem noções do como se encaminha a realidade?
Envergonhei-me e por vezes tive a noção do porque a política brasileira está entregue nas mãos da corrupção, embora tenha sido notório mais uma vez que o envolvimento recorde brasileiro na causa ‘paredões’ supera ‘eleições’. Fiquei pasma com a intensidade da repercussão e envolvimento ‘extra reality’, quando vemos ‘violentas’ paixões de causa - hipotético compartilhamento de opiniões na verdade - visto que não ganha prêmio algum que se expõe montando máfias, sendo prepotente e desrespeitador até com família de outros candidatos e seus torcedores. Aliás, qual é mesmo o significado de humildade e honra?


Não deixo de lembrar que apesar de um programa de entretenimento, sim, da exposição do melhor e do pior, da graça e da desgraça das relações humanas, não estamos poupando meios por onde o que causa repúdio permaneça. Onde quem presa pelos melhores padrões não se envolve pra mudar o rumo, e as faltas continuam a ser embrulhadas pelo protecionismo incondicional. Onde a força, o barraco, o ‘baixo’ vence o pensamento! E pior, estamos vendados seguindo pro precipício... 

O que era pra ser prova da falta de preconceito (especialmente homofobico) mostrou o quanto ainda o somos, em pior espécie, “na tocas”, no compartilhar “devaneios”, nos comentários em OFF! Gritos humanos em auge do desacordo são contestados como agressão à feminilidade porque partiu da resposta masculina a uma mulher exaltada e pior, errada, mas que claro, está envolta na capa de diferença de sexos que tanto lutou pra tirar... Candidatos em mesmos patamares de “luta” são ‘punidos’ por um ato, o que se espera com vários atos de outros que conquistam uma súbita torcida. “Leva e trás” é quando compartilhamos com amigos comentários sórdidos que escutamos não quando o teor da conversa ‘amigável’ é difamação viu? A masculinidade é colocada em questão quando se expressa sensibilidade, higiene e carisma?!

Sempre tive a idéia de que a massa nunca é inteligente, tenho tido provas... e começo a me perguntar se o alvo de análise é quem se expõe ou os conceitos hipócritas e decadentes de quem está aqui fora pra julgar... 

Enfim, não sentia meu tempo perdido ao ouvir Bial falar, mesmo que certamente muitos, dentro e fora da “casa mais vigiada do Brasil” não tenham entendido ou direcionado algumas críticas corretamente (antes da auto-análise tende-se a acusar outros e proteger os ‘seus’). Apesar de não saber se BBB é pra ‘grande IRMÃO’ ou ‘grande VILÃO’, ver “guerreira” ter virado sinônimo de ‘teimosa igual mula’, “extraordinária” = ‘extra ordinária’ e “moleca” = ‘piranha’ (hihi), assistimos também ao nosso redor “pipocas” e “piriás”, Capslook´s, quem quer ser enxergado ou é punido por amar, gente querendo aprender a voar... humanos ‘privilegiadamente’ incentivados a errar, gorilas com cérebros acreditando ser o centro do mundo, e tudo com um simples sentido... observar! 

Mais Ivete pra terminar de levantar poeira...

'in-FIM', UNF!



 

2 Comentários:

  1. muito bem! pelo texto, vejo que vc fez ótima opção de novo curso! bjs

    ResponderExcluir
  2. Owwww Filha! Que orgulhooo! Agora sim, acho que vc tomou a direção certa, seus textos são a prova disso. Apesar da distância, tô feliz por vc estar num curso que com certeza, vai aprimorar ainda mais sua habilidade com as palavras. Parabéns. bjoks:****

    ResponderExcluir

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf