22.5.10

Decisão confirmada:


Continuarei não procurando!

...Embora eu tenha certeza de que você existe em algum lugar. Do lado, perdido, em dúvida, inseguro, distraído, zangado, talvez na mesma cidade, me conhece, ou não, já me viu passar, ou sonha, eu entrei quando você saiu do supermercado, já nos batemos na padaria, não  nos vimos passando todos dias na mesma rua, bem ali, ou no Japão. Mas você existe! 

Acredito em quão instantânea percepção e entendimento quando nos encontrarmos! Poderemos até nos surpreender por encontrarmos em outrem profundidade e transparência em um singelo olhar e motivo pra adormecermos e acordarmos com um sorriso contagiante. Somos ainda raridades! 

Você me dará sossego e encadeado sugará todo o que me resta. Terá meu tempo, mas ainda invadirá meu sono. Vai restaurar crenças que estavam esmorecendo. Vai saber lidar com minha vida de forma peculiar, por saber a responsabilidade que tem em equilibrá-la em suas mãos. Não vai me virar de cabeça pra baixo, vai me virar de fora pra dentro... 

Você não cansa de ser fofo? Você me desconcentra com mensagens lindinhas. Em dias atribulados você sabe o  que me dá coragem pra esquecer as obrigações adiáveis e me resgata pra admirar a lua, um pôr-do-sol... você sabe o valor que tem num banho de chuva! 

Você é um ótimo fotógrafo e também adora ser fotografado. Respeitável leitor e cinéfilo! Você gosta das artes mesmo que não entenda e se empolga com o mover do corpo, de qualquer forma, em qualquer ritmo... o que todo mundo chamaria de dançar! A gente se perde em horas cantando, relembrando e de maneira incompreensível, combinaremos até pelos gostos ‘ecleticamente’ musicais. Temos a mesma mania de fazer tudo ouvindo música e confeccionaremos nossa trilha sonora.

  Sabemos o valor dos amigos e entre os nossos não há deslocamento ou desfalque. Ahh, conheceremos o mundo e muita gente legal, juntos! Temos nossos limites, nossas frescuras, nossas displicências até... mas nada como viajar com amigos, aí é tudo suportável, com muita aventura! Verdade que amamos “hibernar”, mas parece que sábado a noite é praxe, e nada nos prende em casa. 

Quando não posso ir, você pode... como eu também poderei quando precisar. A certeza que nos une é que a liberdade que nos prende e nos dá sempre apoio pra confiar. "Safado, cachorro, sem vergonha" não está na tua lista de apetrechos! Sei que você vai ver o futebol com os amigos (mesmo quando eu não estiver com vontade de ir, porque você gosta que eu vá) e eu não serei rastreada quando sair com amigas, amigos, sozinha, ou como for. Sabemos que após cada encontro ‘individuais’ o que aflora é a vontade do reencontrar, cheios de novidades e episódios pra compartilhar.

Você me acalma, e tem calma na espera. É presença até mesmo em chá de bebê. Ausência, nunca por preconceitos. É segurança, rumo e porto nos momentos que sabe que vou precisar. Nós crescemos e aprendemos tanto... por você e pra você eu desejo o melhor de mim. 

Sabe, eu te acho super além, mas consigo me expressar espontaneamente bem com você. É sintonia! Você dominaria meu manual se eu tivesse um. Tua sensibilidade torna possível que reconheças meus momentos mais ‘donws’ e me dê um abraço apertado, demorado, calado, pois sabe o quanto isso transforma meu humor. Você me decifra tão bem quando eu decifro você, e ainda conseguimos ser imprevisíveis, inconstantes, improváveis. 

Podemos até ter mistérios, mas abominamos a tensão de segredos. Você me faz rir, e rí dos meus devaneios. Você é criativo! Recupera coisas que não caiu de moda, acho até que você veio de algum tempo perdido. Você me deixa orgulhosa. Como você é inteligente! Me encanta te ouvir falar com nobre sutileza e modéstia. Você é mesmo ‘certinho’, mas não por viver de aparência ou ser “políticamente correto”...

Você foi muito bem criado, ou não, é intrínseco mesmo... prendado, atencioso, humilde, sabe se vestir bem e escolhe os perfumes que vão sempre mesmo me enfeitiçar. Você tem suas “teorias” tão loucas quanto as minhas, e talvez provenha daí a facilidade que temos de torná-las compreensíveis, aptas de convencimento, mesmo quando todos abominam. 

Sem machismos ou feminismos compartilhamos a falta de ‘obrigatoriedade’ bem! Altruísmo te distingue perfeitamente... Você conversa quando não concorda e me ouve mesmo que depois eu vá me arrepender do que disse. Você nunca assume papel de juiz. Você é cômico e consegue ser sério como ninguém. 

Nós entendemos que não se dá tempo, por isso somos metódicos em respeitar cada tempo. 

Você não sabe mentir, ‘ocultar’ não é uma palavra que você digere bem, esse definitivamente não é teu defeito. Você vai além de fidelidade, você é leal; e eu já achava que isso tinha saído do ‘hall’ de qualidades. 

Nossas famílias são bens sagrados que serão muito bem compartilhados! Ahh...por falar nisso, você é exemplo de filho, irmão, sobrinho, neto, amigo, cristão, ambientalista, profissional, humano... dono de cachorro até! Você um dia sonhou compartilhar a vida com a seriedade da “moda antiga” e esse é um sonho meu também!

É quase impossível acreditar que você não é perfeito, e que tem defeitos, mas é fato que vou aprender a conviver. Sei que teremos dificuldades, mas quer saber?! Nunca houve maior cúmplice, e após tempestades estaremos sempre mais fortes e sábios porque ‘discussão’ é combustível pra desenvolver!

Embora eu saiba de tudo isso porque eu sei, sei que Deus fez você... decidi não te procurar, pelo menos por enquanto. Verdade que a espera está me deixando ansiosa, mas tenho me ‘focado’ pra que não me encontres nervosa e reclamando pela tua demora de aparecer. Sei da possibilidade de você não conseguir me encontrar, eu não tenho facilitado muito ‘caseiramente’ falando, mas não deixo de acreditar que vamos ficar juntos.

Eu não tenho talento na procura, não porque não seja persistente, ou porque tenha certeza que ainda que te encontre não farei muita coisa pra você me notar. Estou um pouco cansada entende? O que vejo nas ruas me aliena, inibindo de procurar. Eu não quero correr o risco de errar ou te mentalizar. Não estou desanimada, pois sei que você virá logo! Torço para que tenha mais êxito em buscas!  "Eu só quero saber em qual rua tua vida vai encostar na minha"!

Muitos continuarão a criticar a tranqüilidade na espera, o sumiço... pode ser mesmo fraqueza, sonho ou ilusão, mas a ponte do meu destino só vou construir quando me deparar com você, sem que precise me dizer como está vestido ou que local tomaremos um açaí. Quando isso acontecer não terá mais busca, procura, expectativa... não haverá outro! 

"Hoje é aniversário da minha primirmã Ny. Parabéns Fanikiita, te amo!" 

2 Comentários:

  1. meus Deus... eh qualidade demais numa pessoa soh! qundo tu achar, me avisa! hauahau. mas falando serio, nao espere perfeiao dos seres humanos, nao existe! vamos nos contentar com os valores e principios! bjao

    ResponderExcluir
  2. Nem exigi perfeição, só citei coincidências! hauahuahauhau
    Quando eu achar, eu chamo pro casamento rpz! hihi

    ResponderExcluir

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf