16.5.12

É claro que cuida!

Esparramada na sala de casa com um quê de insônia, eu assistia o programa Altas Horas - 'de que dia mesmo?' minha cabeça não retorna a informação, mas se não me engano foi sábado, kkk'. O fato é que gosto quando a falta de sono me permite assistir o programa "lucidamente", e nesse dia, véspera de Dia das Mães (olha os detalhes chegaaando...), tiveram atrações legais: em especial o Tiago Leifert, Sandy Lee, Luan Santana, Priscila Fantin,e um delegado para discutir crimes na internet...

Mas o que mais prendeu minha atenção foi uma reportagem feita com Peninha e a filha que inspirou a criação da letra da música "Sozinho". A letra que, como era de imaginar, envolve uma problemática de relacionamento amoroso - só não sabia da profundidade que uma história adolescente alcançava - , ganhou várias versões e, não sei a sua, mas marca a minha vida de forma que vez em quando até retoma o 'repertório chuveiro' e tal... Fui dormir, acordei lembrando e, fim de rotina da segunda, cá estou eu jogada no sofá de novo, com o propósito de estudar, e com uma trilha sonora liiinda, contendo a faixa "Sozinho" versão Sandra de Sá pelo meio, e claro, repeti inúmeras vezes...

Não vou te falar meu trecho preferido na música, até porque não consigo escolher um. Gosto de toda a letra! Mas vou pegar um trechinho que acho necessário compartilhar por estar falando alto em meu contexto, #SabeComé?! "Quando a gente gosta, é claro que a gente cuida..."





Presta beeem atenção na ligação GOSTAR - CUIDADO. Entendeu?! Porque uma espécie de vírus tem atingido a atmosfera das pessoas "soltas" a ponto de fazer a carência desejar tanto estar "colado" com alguém, que partem para a batalha, luta, a insistência pelo "amor" desta pessoa. Como é isso, produção?! Contem-me mais sobre como permitimos que o sentimento preferencialmente recíproco entrasse em cotação pra fila de arrecadação...

Alôôôw, às vezes (aqui cabe a abrangência poética da música, que na minha 'boca' pode ficar irônica) nosso carinho, nossa procura, nosso envolvimento têm bom tom, mas mesmo assim, ser em vão por uma simples questão que não sabemos ou não queremos saber:  Ignorar é um método EXPLÍCITO de declarar falta de consideração e interesse. Não é somente uma ferramenta das páginas virtuais de relacionamento não!

Então, a ideia é parar de sentir falta de quem não sente falta de você. Porque, minha gente... ele não "parou de falar do nada", ela não "anda aérea", ele não "se tornou indiferente", ele não "simplesmente parou de ligar" nem "prefere ficar invisivel no inbox", ela não "tem outras ocupações mais importantes" ou "falta crédito pra responder sms". A culpa não é do violão, videogame, trabalho, faculdade, #RaioQueOParta ou de um terceiro envolvido na história, não! O fato é que não se encontra tempo e mantém na base do 'ignored' quem não tem importância.

O silêncio também pode ser um método ultra eficaz de resposta viu!? Se você declara seus sentimentos, demonstra interesse, dedica amizade, dá atenção e o outro: NADA... não adianta querer saber onde a criatura está agora. Yê yê yê yê yê.

 Quando a gente tem apreço mantém bem cuidado - até com objetos, imagine...

3 Comentários:

  1. Amei Lay... texto lindo!!! E essa musica sem dúvidas é a melhor de todos os tempos! Amo de paixão!! "Não sou nem quero ser o seu dono, é que um carinho as vezes cai bem..." Esse é meu trecho preferido! E inspirado em vc, vai pra minha timeline do face!!rsrsr beijo amiga!
    Amanda

    ResponderExcluir
  2. PERFEITA POSTAGEM AMIGA!PARECE ATÉ EU FALANDO KKKKKKK... "É REALMENTE CLARO QUE CUIDA!" EU TAMBÉM ASSISTI O PROGRAMA... BEIJOS :)

    ResponderExcluir
  3. Quanta visita ilustre! Estou realmente empolgada e radiante. O que uma música rica não faz neh!? :D Quero vocês por aqui como estão fixas no coração! ;)

    ResponderExcluir

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf