15.8.12

É sorte?



Pra variar a greve não terminou e eu estou em casa. Imaginei escrever esse texto diretamente da correria do pátio da faculdade, mas escrevo duma solidão diferente porque: É dia inverso ao do dia dos namorados. E o que falar para maioria de estudantes que provavelmente não estão aproveitando a internet para resolver obrigações importantes da causa estudantil?! (risos) É mais um dia...

 Meu primeiro impulso seria falar aos solitários, em relações ou em ausência delas, que esta é mais uma data que nem o desígnio de comercial ganhou ainda, porque todos sabemos que é "comemorada" bem mais que um dia no ano. E o pior que é! Mas me deu vontade de homenagear os excluídos emocionais, porque eu carrego uma naturezinha romântica e a verdade é que eu adoraria ter acordado hoje com pelo menos um cartãozinho simples, rabiscado, um abraço demorado, um beijo gostoso... Estaria eufórica com os detalhes para me aprontar para o convite de jantar mais tarde numa espécie de Hollywood "portátil"!

 Se você não passa um dia dos namorados acompanhado Deus sabe a quanto tempo, não deve estar no clima hoje... mas, nos unamos a causa contra a depressão, pelamor! Pela sorte de solteiro, não importa se você vai chegar em casa no final do dia e não tenha para quem ligar. Não importa se não tem com quem dividir os problemas, a conta e o cobertor. Não importa se não tem com quem viajar nos finais de semana e nem se você anda carente de cafuné nos cabelos, um olhar admirado e um beijo sem pretenção de fim. Não importa.

A idéia é se amar!

Ser feliz pelas possibilidades, por desejo genuíno, vontade real, uma escolha! E especialmente hoje, tomar um banho comestível (daquele que você sai com vontade de se devorar), com direito a todas aqueles apetrechos que você adora, mas prefere guardar pra situações especiais.

 Se presenteie. Faça a comida que você gosta ou peça por telefone, a sua preferida. Se vista bem. Coloque um salto se quiser. Se se sentir a vontade de terno... não achou no guarda roupa? vá em busca daquilo que valorize teu decote, resalte teu estilo, torneie suas curvas (parcele no cartão colega!).

Não importa quão insano possa parecer, simplesmente não pense em ninguém. Torne-se um encanto, vista-se de alegria. Passe alguns momentos se admirando, fazendo o que gosta... leia coisa boa, ouça coisa boa até o sono bater. Nesse momento vista sua melhor roupa de dormir e se nine com beijos, se canse de sonhos, durma.

É isso! Amanhã acordaremos apaixonados por nós mesmos e cientes de que só assim somos capazes de despertar paixão no mundo. Nos vestiremos de sol ou chuva, nos banharemos com lua e desfilaremos transparências. De alma!

0 Comentários:

Postar um comentário

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf