11.9.13

Priorizar o tempo

Tem uns diazinhos que meu guarda-roupa me encara com olhinhos clamantes. Ele grita chegando a me ameaçar. Cada coisinha fora do lugar, amassada, amontoada, apontam um defeito: falta de organização. E isso, claro, pode repercutir em outros aspectos da vida...

A bagunça me incomoda, mas somente de imaginar o trabalho que vai dar reorganizar tudo sou tomada por uma forte imobilidade. Adio... adio...

Seria mais simples decidir resolver que imaginar. Porque o tempo que poderia estar aplicando na arrumação gasto na imaginação. E como começar sem um princípio?!

Tudo na vida tem que começar... juntar dinheiro para viajar (nunca vai sobrar se você não começar a guardar), a conclusão do TCC (é certo o dia de entregar), a dieta adiada para próxima semana (sempre existirá uma segunda que vem...), o início da reeducação alimentar (mas, é só um pouquinho!), pra começar (ou terminar) aquela relação postergada ( nunca haverá certeza), pra se arrepender (depende das reações do outro), pra terminar de ler o livro, pra atenção aos amigos, levar a sério a vida acadêmica ou a academia mesmo, reavivar a vida espiritual.... besteirinhas!

O tempo não sobra. Mas a cada minuto temos o tempo determinado para ele, para aplicarmos nele nossas prioridades. Nunca estamos "sem tempo", temos tempo para aquilo que a gente prioriza e essa é a verdade! Mesmo que seja o nada determinado pela preguiça, triste verdade!



0 Comentários:

Postar um comentário

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf