16.10.13

Cuide de mim



Eu sou boazinha, me apego de graça,
 meu apreço não passa.
Construo sozinha os castelos
orando forte para não me venham derrubar.
Eu estou em detalhes!
Tenho coração mole, riso instantâneo, brilho no olhar.
 Tenho a estranha teimosia
de nas pessoas acreditar...
Eu sei que tende a zero encontrar alguém
que vá me amar com o amor dedicado também,
  não exijo de ninguém.
 Mas não desisto de amar...
 daquela sensaçãozinha boa de me doar,
 criar desculpas para perdoar,
receber freios como presente,
transitar entre dormente e demente,
me roubar de mim!
É, pensando bem,
 admitindo assim,
 precisarei que alguém
cuide de mim...


0 Comentários:

Postar um comentário

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf