25.5.14

Machuca, machuca, machuca


Brigo com a discussão, não tenho tempo para amigos, despreso o espelho, a chave que sumiu, a porta que emperra, chuveiro queima, esbarro em quem nem sequer queria ver... ciente de que o que eu estou é brigando comigo mesma.

Porque eu aprendi que as pessoas nunca terão atitudes iguais as minhas. Somos diferentes sim, mas quem é por mim? Não posso exigir que os outros sejam previsíveis, determinados como eu sou, apesar de achar que deveriam. Sem cobranças, apenas aceito o que quer que os outros sejam. Não é porque minhas posições são firmes e por tantas vezes parecem irredutivelmente burras que as pessoas têm que me entender, entender meus motivos, a história - que eu nem conto menos ainda sei - que me fez assim. Mas sem saber nada delas, eu me esforço, e as aceito.

Quando eu faço o "meu correto", quando sou direta e pareço fria, quando estou em fuga e parece ironia, quando falo na cara coisa que ninguém diria, acabo me ferrando, porque o esforço que faço para compreender as pessoas, não fazem para entender seja lá o que for, muito menos verdades...

E aí, eu que detesto briga, me arrependo até do que penso. Choro, me envolvo e nem eu me entendo. Depois me culpo e espero pelo toque do telefone, pela mensagem no celular, pela compreensão e talvez perdão, um "eu te entendo" que vou cansar e não vai chegar...

É sempre assim, um vazio de decepção... No fundo é aguardo, por dentro é silêncio. Já cansei de acreditar que as coisas podem mudar, hoje simplesmente evito que aconteçam. Quando escorrem, vem aqueles sábados e domingos nublados, de engasgos ou estrondos para processar.

E de novo seguir para a vida como se não tivesse triste, lidar com as expectativas como se não tivessem frustradas, levar com naturalidade como se minhas reações fossem inevitáveis catástrofes naturais, já que ninguém interroga furação. E continuar...

As vezes perco pessoas que sinto falta, mas que não me procuram e vivem bem sem mim. Que bom. Talvez é pr'eu perceber que a única pessoa que sai realmente machucada com essas coisas, sou eu. Já sei que me machucar é normal, o problema é machucar os outros.

0 Comentários:

Postar um comentário

 
- See more at: http://www.ecleticus.com/2011/10/slide-que-funciona-automatico-no.html#sthash.CKrB3I8o.dpuf